Milhares de brasileiros ainda continuam investindo na poupança devido a falsa ideia de segurança e praticidade que lhe é atribuída. Talvez o que essas pessoas ainda não saibam é sobre a existência de aplicações financeiras com rendimento maior, porém com o mesmo perfil de risco da poupança.

O problema, porém, é que os “Bancões” não possuem um interesse genuíno em educar financeiramente seus clientes. Pois desta forma diminuiria a assimetria de informação que permite a oferta de produtos ruins a seus clientes.



Diferentemente as corretoras, através do agente autônomo de investimentos, visam ajudar a selecionar o investimento mais adequado para o perfil de seus clientes.

No Brasil, o corretor de bolsa de valores é chamado de Agente Autônomo de Investimentos. (Pela lei brasileira, ele só pode colocar ordens para seu cliente). Nos EUA, ele é chamado de Account Representative e ele pode sugerir ações ao seu cliente.

A carreira de Agente Autônomo de Investimentos (AAI) se assemelha muito ao trabalho de um assessor financeiro.

Quanto ganha um agente autônomo de investimento?

Um AAI recebe de forma comissionada, geralmente de 0,4% à 1,6% de todo valor trazido pelos clientes que ele captou.

Ex: Ao longo de 3 anos Marcelo conquistou 200 clientes que ao somar o volume investido chegou-se ao montante de R$100 milhões. Anualmente Marcelo receberá comissões que irão variar entre R$400.000 a R$1.600.000 , dependendo dos produtos financeiros onde os clientes estão alocados.

A remuneração é feita por comissão e eles são pagos, pela corretora, de acordo com a produtividade. Cada transação gera uma comissão que é paga mensalmente.

Como o próprio nome já relaciona, o profissional trabalha de forma autônoma, isso consiste em dizer que sua remuneração, ou a maior parte dela, se dá através do método de comissão.

Uma nota importante para aqueles que consideram esta carreira é que muitos corretores  têm experiência de trabalho adicional antes de entrar no campo. Especialmente se você está procurando uma carreira como um corretor, qualquer experiência em vendas anteriores é altamente valorizada. Isto é devido ao componente de vendas da posição de corretagem.

Como me tornar um agente autônomo de investimento?

A certificação Ancord  serve para ser um agente autônomo de investimentos.

Por ser um autônomo, os profissionais devem ser devidamente registrados na ANCORD e CVM  e vinculados a uma instituição financeira, porém, sem vínculos empregatício.



Veja o curso preparatório ANCORD DE AGENTE AUTONOMO DE INVESTIMENTO  aqui.

Depois de passar na prova, você deve se registrar na CVM e entrar em uma empresa de agente autônomos já registrada na CVM como a Trader Brasil Investimentos    

Gerente de Banco X Assessor de Investimentos

No modelo tradicional, muitos gerentes se sentem construindo para o banco. No modelo de agente autônomos de investimentos, eles são empreendedores, possuem mais autonomia, não existem metas. Essa liberdade faz toda diferença.

A XP indica que, em especial, ex-gerentes de bancos são bem vistos para o cargo, principalmente se já tiverem certificações avançadas em investimentos, com experiência nos setores prime e private, que atendem clientes de alta renda. Por serem profissionais que, geralmente, já são bem relacionados, entendem e gostam do assunto, e já possuem uma carteira de clientes, eles acabam tendo mais facilidade em entrar como sócios em escritórios de assessoria que já existem ou, então, criar junto a outros colegas gerentes seu próprio negócio.

Existe também uma diferença quanto a certificação financeira: Um gerente de banco tem de possuir a certificação Anbima CPA-20 e o agente autônomo de investimentos a ANCORD.

O que faz um agente autônomo de investimento?

O AAI atua no mercado de forma a ser um intermediário entre os produtos financeiros e o cliente, portanto, é esperado do AAI um grande conhecimento sobre diversos investimentos, renda fixa, ações, derivativos, mercado de opções, fundos, entre outros.

Além do conhecimento sobre mercado, o profissional deve possuir um bom relacionamento interpessoal, pois lida diretamente com seu cliente fazendo um papel muitas vezes “educacional”. Como dito antes, o AAI possui um papel de assessor de investimentos, ou seja, ao captar um cliente, o AAI avalia o perfil do investidor e lhe oferece produtos financeiros que irão se relacionar da melhor forma com o risco/retorno esperado de acordo com o perfil deste investidor, usando sempre do seu conhecimento e das análises de mercado.

Em sua rotina de trabalho existe muita leitura de análises de mercado e notícias para se manter sempre atualizado. Seu trabalho está diretamente ligado com os de analistas e gestores de carteiras, recebendo e interpretando análises e entrando em contato com os gestores de forma a manifestar os interesses dos clientes.

Qual potencial da Carreira de agente autônomo de investimento?

No Brasil apenas 5% dos investimentos estão em corretoras e plataformas independentes. Só para vocês terem uma noção, Nos Estados Unidos, 87% dos investimentos estão em corretoras independentes e apenas 13% em bancos.

Mais de 715 bilhões de reais em 153 milhões de contas de poupança e outros investimentos pouco rentáveis.

A XP quer ampliar o número de assessores e para se juntarem aos 3,2 mil assessores que já trabalham com a plataforma. “Queremos terminar 2018 com mil a mais, somando 4,2 mil agentes. É uma estratégia agressiva, mas que tem tudo para dar certo”, afirma Caio Peres, sócio e Head de Expansão XP.

O otimismo de Peres reflete um momento de transição e mudança do comportamento de investidores brasileiros e também de experts no assunto.

A exemplo do que já acontece fora do Brasil, ao mesmo tempo em que os clientes começam a buscar opções de investimento e atendimento mais personalizados, o setor bancário, cada vez com quadros mais enxutos de funcionários, começa a perder profissionais que buscam mais independência, horários flexíveis e, principalmente, sentirem-se empreendedores, donos de seus negócios.

Aqui na Trader Brasil Investimentos estamos buscando agentes autônomos

Os interessados em se tornar um assessor de investimento podem entrar em Contato conosco, onde também é possível encontrar mais informações sobre o processo de seleção.

SIM, EU QUERO SABER MAIS DETALHES SIM!



Author: Alan Soares

Alan Soares é Founder do D'Black Bank e do Movimento Black Money, Empreendedor Serial, Trader e Educador financeiro atuando por mais de 10 anos no Grupo Trader Brasil.